fbpx

T-STOP E F-STOP

F-stop é uma medida teórica da quantidade de luz que, após atravessar a estrutura física da objetiva, chega ao sensor ou à película.

O “F” vem de “focal length” e é o número encontrado pela divisão da distância focal da lente pelo diâmetro de seu diafragma, ambos em milímetros.

Ao longo de seu caminho a luz sempre sofre perdas devido aos diferentes elementos de construção de uma lente. Tais reduções não são consideradas no conceito de F-stop. Por isso, duas lentes com o mesmo valor de F-stop podem entregar duas quantidades luz diferentes.

Para um controle preciso, o conceito de T-stop leva em conta essas perdas. Daí a letra T, de transmissão. Sua fórmula é o F-Stop dividido pelo índice de transmissão da lente, que é a porcentagem de perda de luz. Lentes com o mesmo T-Stop entregam a mesma quantidade de luz.

Os números T-stop são característicos do universo da cinematografia. Controlar com rigor a luz que chega à câmera é necessário quando a obra é formada por uma sequência de planos capturados em dias e situações diferentes.

Esta demanda é especialmente importante quando se mede a luz por fotômetros de mão, como ao rodar em negativo. Com ferramentas de exposição como o waveform ou o histograma, a fotometria digital passa a ser interna.

As câmeras de foto still já apresentavam tecnologia de fotometria interna desde os tempos em que registravam em película. Um fator que faz a falta de precisão dos F-stops não ser um problema. Além de cada imagem ser uma obra independente da outra.

Para fabricar uma lente com T-stops, testes individuais de cada lente são necessários para fazer suas marcações. Um cuidado que onera sua produção.

Quanto menor o F ou o T-stop, mais luz entra. A cada F-Stop a luz duplica ou cai pela metade. Mas os ajustes são feitos em escalas com subdivisões de meio, terços e quartos de Stop.

Na produção de lentes, para conseguir maiores aberturas máximas de íris (ou diafragma), é preciso, por questões físicas, aumentar o tamanho das lentes, principalmente quando são muito angulares ou muito teleobjetivas.

E aí, gostou deste post? Conta pra gente o que achou nos comentários!

Bons filmes!

#monstercam#monstercamconhecimento
#timemonstro#fstop#tstop#lenses#canonlenses#locaçãodecameras#fotografia#cinematografia#fotografiastill#cameras#cinema#lentes#diafragma#iris#profundidadedecampo#depthoffield

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

COPYRIGHT © 2020 MONSTERCAM. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS – Desenvolvimento: Doppiod